NBW075 – Pesquisas Eleitorais Parte 2 28/01/2016

Margem-de-erro-e1338464483868

Conforme prometido, eis aqui a segunda parte da nossa discussão sobre pesquisas eleitorais. Aconselhamos para quem está chegando agora, que ouça a primeira parte para, assim, conseguir entender todo o contexto. Nesta segunda parte a nossa convidada, a socióloga Ana Carla de Sá, do Instituto Urbano Pesquisa e Expressão, fala sobre a importância (e a diferença entre o Ibope e Datafolha) na hora de ir a campo fazer uma pesquisa.

No final do episódio cada um de nós três, André, Barata e Ulisses, damos nossa opinião: as pesquisas devem ser divulgadas durante o período eleitoral? E, claro, gostaríamos muito de saber a sua opinião sobre o assunto.

Ouça, comente, compartilhe!

Siga a gente no twitter.com/podcastnbw e facebook.com/podcastnbw

E o nosso e-mail para contatos é: [email protected]

Também estamos presentes no youtube (https://www.youtube.com/channel/UCiRqPZxWw-kU_KelnL8DPog)

Música de encerramento: 

Edi Rock – That’s My Way

BAIXE E ESCUTE AQUI

Recomendações da semana:

 

Ulisses

Force Majeure

All is lost

Palestra Lynton Crosby

André

Spotlight 

Imelda May – Pulling de Rug 

NBW 055 – Eleições no Reino Unido

Barata

O poder do hábito 

 

3 COMENTÁRIOS

  1. Acho legal as pesquisas, mas acho que deviam dar mais destaque sobre como elas são feitas, pois é possível ver no PesqEle, mas nem é a coisa mais simples de usar e também no geral não é uma coisa que o público tenha acesso.Com a internet e sem limite de espaço ou de tempo fica mais fácil fazer, deixar um infográfico ou algo do tipo, até mesmo um mapinha de onde foram os pontos, e isso nem seria dar dicas pros outros institutos visto que vc não deu nem a forma de seleção dos pontos nem a forma de ponderação dos dados.

  2. Pesquisas são fundamentais para termos um entendimento real da situação política momentânea do país. O problema é que, aparentemente, no Brasil, as análises divulgadas nos principais meios de comunicação são bastante limitadas. Quando visita-se um portal na internet, provavelmente você terá acesso a um trabalho mais detalho, pois ele é feito, como o André mencionou, já que possui experiência profissional no tema. Percebe-se que o trabalho de bastidores é muito mais importante do que o público, direcionando o possível caminho para a vitória em uma eleição.

  3. Sobre pesquisas eleitorais, concordo com o que foi dito, ou seja, em regra o eleitor brasileiro vota em quem está na frente nas pesquisas pelo simples prazer de “ganhar”. Assim, de certa forma, as pesquisas acabam influenciando os resultados das urnas, porém seria (no mínimo) leviano afirmar que as pesquisas (em regra) são manipuladas e tendenciosas e por isso deveria ser abolidas ou restringidas.
    Nesse sentido o problema é o Próprio Sistema Eleitoral onde Votar (ou pelo menos participar do processo eleitoral) é uma Obrigação quando deveria ser um Direito.

    Sobre PT e Lula, eu tenho dito que quem vai reeleger o Lula é o PSDB, exatamente pelas razões que foram expostas no podcast, ou seja, esse factóides criados por um setor da imprensa que, ansiosa por provas ou indícios que liguem o Lulo ao Petrolão ou a qualquer outro escândalo de corrupção, acaba publicando acusações que (pelo menos ainda) carecem de um suporte probatório mínimo (leia-se provas de verdade).

    Na “minha opinião” tudo isso vai fortalecer o Lula e o discurso de que o PSDB, por não saber perder, ligou o foda-se e parou o país por puro revanchismo. Ainda que isso não seja verdade essa “linha argumentativa”, somada aos eventos ocorrido em SP PR terá um forte apelo junto ás camadas mais “populares” da situação.

    Também não podemos esquecer que “a tese do impeachment” parece ter morrido, que a Dilma não vai renunciar, ainda que o povo vá ‘as ruas pedindo sua renúncia (coisa que acho pouco provável acontecer) e que será mais um argumento á favor do Lula.

    Diante deste cenários voltamos ‘a questão das pesquisas eleitorais que serão um ótimo termômetro para aferir uma série de variáveis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

NBW