NBW 023 – 08/01/2014

Parece incrível, mas em um piscar menor que uma década, tabaco e maconha tiveram seus papéis invertidos de forma drástica.

O que às vésperas do século XXI era um símbolo do prazer, da elegância e inclusive da libertação feminina, hoje inspira ataques que deixariam até o Hezbollah de orelha em pé.

Enquanto isso, a maconha ,que até outro dia – literalmente – era tida como bastião do ostracismo, da irresponsabilidade imberbe e grande porta de entrada para um mundo idealizado por Hunter S. Thompson, agora aparece como um produto recreativo inocente da classe média.

Pois bem. nessa edição discutimos o que está levando países como Uruguai, EUA e – espere mais um pouco e confirme – o Brasil a liberar o uso da cannabis.

Teríamos, enfim, acordado aos apelos de Marcelo D2, ou estaríamos sofrendo outra investida do empresariado, que teria decidido se apropriar dos milhões de dólares comandados pela turma que aparece nos jornais tapando a cara com trapos, com uma uzi na mão?

 

A conclusão é a sua.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui